A Borboleta como Símbolo Místico




- Naín gosta de Mozart?

- Gosto da história.

- O que há de engraçado na história de Schikaneder?

- Na história, nada. Sua gravata...

- Minha gravata engraçada. Gosta de borboleta?

- É radicalmente literal. Gostei!

- Presente do mamãe.

- Doutor... Por onde deseja começar?

- Que tal pelo início?

- As gravações?

- As gravações.

(Ordem dos Fantasmas-Pag.18 Ebook – Pag.17 Físico)

Estágios místicos da Borboleta: estágio do ovo, onde a ideia nasce, mas ainda não é uma realidade é o ponto de criação - estágio da larva, onde temos que tomar uma decisão - estágio do casulo, é o desenvolvimento do projeto, fazer para realizar - estágio da metamorfose, a transformação, deixar o casulo e voar, a realização.

Conceito místico se dá, do ovo para lagarta, depois para crisálida e finalmente borboleta, indicando as etapas da alma para a iluminação. Da mesma forma que abandona a crisálida para voar, o espírito se liberta do corpo físico para ganhar espaço infinito, representando renascimento e metamorfose.

A psicanálise moderna vê na borboleta um símbolo de renascimento. O termo grego psyche, originalmente, tinha dois significados: um deles era alma; o outro, borboleta, que simbolizava o espírito imortal. Você já deve ter visto em filmes ou novelas aquela cena onde uma borboleta aparece como sinal da presença de alguém que morreu, esse conceito vem da mitologia grega: quando alguém morria, o espírito saía do corpo em forma de borboleta.