Importância do Blog


A interação entre o sujeito-autor e o sujeito-leitor, proporcionada por esse blog, provavelmente irá contribuir na formação de leitores com características distintas visto que o letramento digital tem sido alvo de estudos e análises que se preocupam com as novas tecnologias e as transformações culturais trazidas no bojo de seu desenvolvimento.

Bakhtin entendia que o receptor (interlocutor) de um dado discurso o recebe com uma postura que denominou de atitude (em alguns casos, compreensão) responsiva ativa, ou seja, “ele concorda ou discorda (total ou parcialmente), completa, adapta” o enunciado. O pensamento bakhtiniano entende que a linguagem é elemento constitutivo da realidade social. E, nesse sentido, ambos restituem o sujeito como elemento ativo no uso e no entendimento dessa linguagem. O ator social não é um idiota cultural permanentemente submetido à força coercitiva das normas sociais que se enunciam no seu mundo. 

Dessa maneira, Eucajus leva em consideração a relação intersubjetiva que estabelece com os seus leitores através do “blog”. O seu leitor se torna de certa forma presente, uma vez que o “blog” é um mecanismo para persuadi-lo a reformar, completar, protestar e manifestar o sentimento da sua leitura, fundamentando a concepção de hiper leitura. 

Blog de um livro não é novidade, a novidade é o gênero e a forma fora de contexto. Não conheço outro blog de livro que possua uma postagem negativa sobre a obra ou a declaração de um leitor descontente com a narrativa e que não compactua com as ideais do autor... 

O fantástico disso, é que o “Blog” se torna uma experiência e experimentação contida na própria narrativa de Ordem dos Fantasmas


Álvaro Dias